De Olho na Abertura da Bovespa

06 de dezembro de 2017 - 09h42
Segmento: Mercados
Fonte: Lopes Filho

A cautela parece predominar mais uma vez sobre o sentimento dos investidores, tanto internamente quanto no exterior. Por aqui a reforma da Previdência segue no foco, com o Governo tentando contabilizar os votos e chegar ao número necessário para colocar o texto em votação na Câmara dos Deputados na próxima semana. A reunião do Copom será finalizada no início da noite e também atrai a atenção, com os agentes se concentrando mais no comunicado do Comitê, que poderá indicar os passos seguintes, já que para a decisão de hoje o consenso é de redução de 0,5 p.p. da Selic, para 7% a.a.

Na Europa as bolsas operam em baixa, com o avanço das encomendas à indústria alemã em outubro ficando em segundo plano devido às frustrações com as negociações para o Brexit. Os mercados internacionais também são pressionados pela queda das commodities, com destaque para os contratos futuros do minério de ferro na China, que caíram mais de 4%.

Às 9h40, o Ibovespa futuro registrava baixa de 0,34%.

Na quarta-feira a ANFAVEA anunciará os dados da indústria automobilística de novembro. O Copom realizará reunião de deliberação da taxa básica de juros (Selic), podendo ser reduzida para 7,0%.

Nos EUA sairão os pedidos de hipotecas na MBA na semana até 02/dezembro, os postos de trabalho criados no setor privado em novembro, o nível de produtividade no 3T17, o custo unitário do trabalho também no 3T17 e o estoque de petróleo na semana até 02/dezembro.

Segundo nossa equipe de análise técnica, o Ibovespa voltou a cair no interior do triângulo provocado pelo encontro das retas de tendência, mas uma efetiva sinalização baixista, ou seja, a indicação de ingresso em uma correção de maior intensidade ainda dependerá da perda da área de sustentação representada pelos fundos formados em 71.215 e 70.825 pontos.

Lembramos que o Ibovespa é um índice, ou seja, reflete apenas o comportamento misturado das ações líderes, de modo que as análises individuais devem ser observadas no módulo de Análise Gráfica.

Bom dia e bons negócios!

A Novinvest Corretora de Valores Mobiliários Ltda. não se responsabiliza pelo conteúdo, notícias, opiniões, informações, indicações, dentre outros de nossos parceiros e/ou referências.