De Olho na Abertura da Bovespa

11 de janeiro de 2019 - 09h11
Segmento: Mercados
Fonte: Lopes Filho

O Ibovespa segue sua rotina de superação de máximas históricas neste início de ano, já se aproximando dos 94 mil pontos. A última sessão da semana deve manter esta trajetória, conforme apontam os contratos futuros do Ibovespa, que seguem a tendência dos seus pares internacionais. A agenda interna traz como destaque o IPCA, que registrou alta em dezembro (0,15%), após a deflação do mês anterior (-0,21%).

O clima positivo para os negócios no exterior se deve à percepção de continuidade das tratativas comerciais entre EUA e China, além da expectativa de que o Fed possa ser mais comedido no processo de normalização de sua política monetária.

Às 9h08, o Ibovespa futuro registrava alta de 0,16%.

Na agenda interna de indicadores, de acordo com o IBGE, o IPCA de dezembro registrou alta de 0,15%, ficando acima dos -0,21% de novembro. Essa foi a menor variação para um mês de dezembro desde o início do Plano Real, em 1994. Em dezembro de 2017, o índice tinha sido de 0,44%. O IPCA acumulado em 2018 ficou em 3,75%, 0,80 ponto percentual acima dos 2,95% registrados em 2017

Nos EUA sairão os dados do Índice de Preços ao Consumidor (CPI) de dezembro e o Orçamento do Tesouro no mesmo mês.

Segundo a nossa equipe de análise gráfica, o indicador de Força Relativa do Ibovespa atingiu a zona overbought (80) e isto significa que a continuação dos avanços até a zona-objetivo situada em 95.000/98.000 pontos poderá transformá-la em forte resistência se for atingida diretamente, podendo motivar uma realização mais forte dentro da atual trajetória altista.

Lembramos que o Ibovespa é um índice, ou seja, reflete apenas o comportamento misturado das ações líderes, de modo que as análises individuais devem ser observadas no módulo de Análise Gráfica.

Bom dia e bons negócios!

A Novinvest Corretora de Valores Mobiliários Ltda. não se responsabiliza pelo conteúdo, notícias, opiniões, informações, indicações, dentre outros de nossos parceiros e/ou referências.