De olho na Abertura da Bovespa

11 de setembro de 2019 - 09h48
Segmento: Mercados
Fonte: Lopes Filho

Os futuros de Nova York rondam a estabilidade e as bolsas europeias operam majoritariamente em alta com investidores esperando novos estímulos do BCE, que divulgará a sua decisão de política monetária amanhã. Nos EUA, o presidente Donald Trump demitiu o conselheiro de Segurança Nacional, John Bolton, ontem. Pelo Twitter, Trump disse que discorda fortemente de muitas das sugestões de Bolton. Um substituto ao posto deve ser nomeado na próxima semana. Na China, o governo isentará 16 tipos de produtos da primeira rodada de tarifas extras a importações dos americanos. A isenção entrará em vigor no próximo dia 17 e valerá por um ano. Os bens isentos incluem uma série de medicamentos e inseticidas. Na agenda americana, tem o índice de preços ao produtor de agosto, os estoques no atacado de julho e os estoques de petróleo bruto pelo DoE.

O S&P 500 futuro opera em alta de 0,04% e o Euro Stoxx sobe 0,44%. Também as bolsas asiáticas fecharam majoritariamente positivas nesta quarta-feira, em meio aos desdobramentos da tensão comercial entre EUA e China. Os contratos futuros do petróleo operam em alta, revertendo perdas da sessão anterior, após a Opep ter cortado a projeção para o avanço na demanda global pela commodity neste ano pelo segundo mês consecutivo, citando as desacelerações econômicas americana e da zona do euro. A previsão é que a demanda seja de 1,02 milhão de barris por dia (bpd), redução de 80 mil bpd.

O mercado local deve acompanhar o internacional. No cenário interno, tem a tentativa do governo em votar a reforma da Previdência em primeiro turno no Senado no dia 18, como sinalizou o presidente da Casa, Davi Alcolumbre. O calendário original prevê a primeira votação no dia 24 de setembro e o segundo turno no dia 10 de outubro. Quanto à reforma tributária, ainda está no radar a criação pelo governo de um novo imposto sobre transações nos moldes da CPMF para elevar a arrecadação. Mas o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, disse que o imposto tem pouco apoio entre os que conhecem da questão tributária e que não sabe se esse é o melhor caminho para resolver o custo da contratação da mão-de-obra. Hoje o IBGE divulgou as vendas no varejo em julho, que subiram 1% em comparação ao mês anterior. Na agenda, tem o leilão de swap cambial reverso conjugado com leilão de venda à vista e a votação da PLC 79, que trata do novo marco legal das telecomunicações.

Às 9h46, o Ibovespa futuro registrava alta de 0,74%.

Segundo a nossa equipe de análise gráfica, atenção para o rompimento da resistência dos 104.200 para fortalecer movimentação de alta no intradiário, de olho ainda em 104.840 e posterior nos 105.300. No campo inferior, encontra suporte em 102.250.

Lembramos que o Ibovespa é um índice, ou seja, reflete apenas o comportamento misturado das ações líderes, de modo que as análises individuais devem ser observadas no módulo de Análise Gráfica.

Bom dia e bons negócios!

A Novinvest Corretora de Valores Mobiliários Ltda. não se responsabiliza pelo conteúdo, notícias, opiniões, informações, indicações, dentre outros de nossos parceiros e/ou referências.