Fechamento dos Mercados da Ásia

08 de novembro de 2019 - 08h44
Segmento: Mercados
Fonte: Lopes Filho

A maior parte das bolsas asiáticas fecharam em baixa nesta sexta-feira, diante das incertezas em torno da disputa comercial sino-americana. Investidores avaliaram também a divulgação da balança comercial chinesa. A bolsa japonesa foi a exceção, impulsionada por ações financeiras e do setor de bebidas.

Após as declarações otimistas de ontem do Ministério de Comércio chinês, afirmando que Washington e Pequim concordaram em remover tarifas sobre importações um do outro em etapas, surgiram notícias desanimadores do lado norte-americano. O diretor do Conselho Nacional de Comércio da Casa Branca, Peter Navarro, disse em entrevista à Fox Business que não há nenhum acerto para remover "quaisquer das tarifas existentes" sobre importações chinesas. Antes, a Reuters já havia noticiado que a remoção de tarifas sofre "forte oposição" interna na Casa Branca.

Na agenda de indicadores, as exportações chinesas tiveram queda de 0,9% e as importações diminuíram 6,4%, na comparação anual de outubro.

O índice Xangai Composto recuou 0,49% hoje, a 2.964 pontos. O Hang Seng caiu 0,70%, a 27.651 pontos. O sul-coreano Kospi recuou 0,33%, a 2.137 pontos. O Nikkei subiu 0,26%, a 23.391 pontos.

A Novinvest Corretora de Valores Mobiliários Ltda. não se responsabiliza pelo conteúdo, notícias, opiniões, informações, indicações, dentre outros de nossos parceiros e/ou referências.